Uma nova atitude

Gestão

Uma nova atitude para governar

A mudança mais visível nos seis primeiros meses da gestão atual está na forma de governar. Saiu o governo de gabinetes, entrou o do diálogo, no qual a população participa das decisões e define as prioridades.

A ação mais concreta nesse sentido foi a instalação dos Fóruns Regionais de Governo. Neles, o Governo vai a cada região do Estado para ouvir as demandas da população.

As prioridades vão virar ações de governo, estabelecidas no Plano Plurianual de Ações Governamentais (PPAG) e no Plano Mineiro de Desenvolvimento Integrado (PMDI).

Dentro do novo modelo de participação e parceria com os municípios, o Governo está honrando os compromissos do ProMunicípio - Programa de Apoio para o Desenvolvimento Municipal, Gestão e Transferência de Recursos.

De janeiro a junho, 107 convênios resultaram na transferência de recursos da ordem de R$ 12,5 milhões.

O ProMunicípio tem por objetivo garantir a transferência de recursos financeiros e promover o desenvolvimento socioeconômico e sustentável das cidades.

A ação mais concreta nesse sentido foi a instalação dos Fóruns Regionais de Governo. Neles, o Governo vai a cada região do Estado para ouvir as demandas da população.

Em outra iniciativa na área social, o Governo anunciou a regularização do pagamento do Piso Mineiro, recurso previsto por lei que complementa o financiamento aos municípios para ações de assistência social.

O Governo fez o pagamento das parcelas de janeiro a maio de 2015, totalizando R$ 22,5 milhões para os 853 municípios mineiros. Até o fim do ano, será repassado, ao todo, o valor de R$ 54 milhões.

Infográfico

Dentro dos princípios do diálogo, da transparência e da confiança, o Governo assumiu a gestão da administração estadual com o compromisso de valorizar as diversas categorias do funcionalismo público.

Depois do acordo histórico com os servidores da Educação, que garantiu o pagamento do Piso Salarial Profissional Nacional, servidores da Saúde, do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado (Ipsemg), da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) e da Secretaria de Defesa Social também foram ouvidos e reconhecidos.

No começo de julho, a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) aprovou os projetos de lei do Executivo que concedem reajustes salariais para os servidores. Os projetos propõem a concessão de aumento para as três categorias que tiveram acréscimo em seus salários a partir de 1º de junho.

assista ao vídeo de apresentação dos fóruns

Veja o balanço dos primeiros seis meses de Governo, conheça tudo o que foi ouvido e fique sabendo das melhorias para o futuro.